Brado Retumbante

Do golpe às diretas

Paulo Markun

Conteúdo com a tag Olympio Mourão Filho:

O diário de Mourão Filho

Olympio Mourão Filho foi um dos generais mais exaltados da conspiração militar. De Juiz de Fora, foi ele o primeiro comandante que saiu com suas tropas em direção ao Rio de Janeiro, para enfrentar o governo de João Goulart. Crente do avanço concreto das “forças comunistas” no país, acreditava que as tropas conspiratórias lutariam até a morte contra os janguistas. Era o golpe militar.

Abaixo, um trecho do diário, que virou livro, do general mineiro:

Golpe de 64

30 de março de 1964, madrugada. Em Juiz de Fora, o general Olympio Mourão Filho, prestes a se aposentar, ouviu o discurso de João Goulart pelo rádio. Às duas e meia da manhã, acendeu um charuto e registrou no seu diário a seguinte frase: "Não estou sentindo nada e, no entanto, dentro de poucas horas deflagrarei um movimento que poderá ser vencido, porque sai pela madrugada e terá de parar no meio do caminho".